Gazeta das Caldas - Auto Júlio investiu 150 mil euros na remodelação de sede

A Auto Júlio apresentou no passado dia 8 de Maio as obras de remodelação dos escritórios da sede do grupo, em São Cristóvão. As obras significaram um investimento de 150 mil euros para dotar as instalações com um ar moderno e melhor funcionalidade de modo a manter a sede nas Caldas da Rainha, depois de ter estado em estudo a mudança para Torres Vedras.

Joel Ribeiro
jribeiro@gazetacaldas.com

“Temos umas belas instalações em Torres Vedras e a nossa expansão situa-se a Sul, por isso fazia sentido centralizar mais a sede”, disse António Júlio Sousa durante a apresentação, que contou com a presença de várias entidades do concelho.
A mudança da sede para Torres Vedras, onde a empresa se implantou no ano passado com oficinas e comércio e aluguer de automóveis, fazia sentido porque havia espaço nessas instalações e o investimento até seria inferior.
A mudança não aconteceu pela intervenção de Tinta Ferreira, presidente da Câmara das Caldas, e da vereadora Maria da Conceição Pereira. “A Câmara não nos deu facilidades, não nos deu nada, simplesmente teve uma palavra connosco e foi suficiente para voltarmos atrás na decisão”, contou António Júlio.
As mudanças começam pela recepção, onde, além do visual moderno, se destacam artigos antigos que relembram a forte ligação da empresa ao mercado dos combustíveis. Os escritórios são divididos em várias zonas, mas com paredes vidradas, que permitem ver toda a amplitude da área. Existe uma sala só para a parte de compra e venda de combustíveis, “que está preparada para crescer” em número de secretárias, salientou António Júlio Sousa.
Existe ainda um gabinete para o director financeiro, uma sala mais ampla para as administrativas e ainda três gabinetes para a administração do grupo.
O espaço inclui também uma sala onde os funcionários podem fazer uma pausa ou um lanche, casa de banho e uma sala de reuniões equipada com sistemas multimédia.
No total o Grupo Auto Júlio investiu 150 mil euros para reabilitar a sede, situada em São Cristóvão.

Grupo compra a TNC

O ano de 2014 foi mais um ano importante para a empresa, que continua a diversificar os ramos de negócio. Em Setembro entrou no ramo das comunicações com a aquisição do negócio da empresa TNC, que significou a entrada de mais 25 funcionários para o grupo.
“Os primeiros meses foram de adaptação, este ano já estamos a melhorar e estamos a tentar arrumar a casa”, referiu António Júlio.
A entrada nas comunicações surge numa “estratégia de diversificação das áreas de negócios, não queremos estar dependentes apenas de um negócio, porque o que hoje está em alta amanhã está em baixa”, explicou António Júlio.
O empresário refere que 2014 “não correu mal”, assinalando uma retoma “bastante importante” quer nas vendas de automóveis, quer nos combustíveis – sector que significa cerca de 70% da facturação da empresa. A Auto Júlio atingiu no ano passado uma facturação de 80 milhões de euros.
A empresa também reforçou a rede de postos de abastecimento próprios, com a aquisição de mais 10 postos. Este ano continua essa expansão, tendo adquirido recentemente o posto BP de Tornada.
António Júlio tem boas expectativas para este ano. “Começou bem, teve um algum abrandamento nos últimos meses, mas pensamos que vai ser um ano bom pois o mais importante é a parte financeira estar estável”, sustentou.
O grupo está novamente com planos de expansão. António Júlio adiantou que está em aberto a possibilidade de abrir negócios no Algarve, embora não tenha adiantado mais pormenores.
Durante a visita às novas instalações, António Júlio recordou que quando iniciou actividade, há 27 anos, era “uma agulha” entre várias empresas com dimensão no concelho. “É com tristeza que vejo que quase todas desapareceram, mas nós conseguimos transformar-nos numa das maiores e mais saudáveis financeiramente”, realçou.
A empresa dá emprego a 180 pessoas, mas o empresário revela que o segredo é o cariz familiar da empresa. “Somos um grupo familiar, a maior parte têm 20 anos de casa ou mais”, concluiu.

Comentários

Escreva um comentário

Os comentários são moderados